Sem categoria

Manchas escuras na face, como tratar!!

As manchas escuras na pele são as mais comuns, sendo causadas pela exposição solar excessiva ao longo do tempo. Isso acontece porque os raios solares estimulam a produção de melanina, que é o pigmento que dá cor à pele, mais alterações hormonais, uso de medicamentos e outros fatores atuam sobre os melanócitos que dão origem às manchas no rosto ou no corpo.

Hoje Vamos falar um pouquinho sobre Melasmas, que eu sei que é um problema que acomete muitas mulheres, inclusive eu, que não tem cura, mas tem Controle….ufa…que bom!!!

Tratar melasma é um grande desafio. Melasma hormonal é ainda pior. O melasma é uma mancha crônica que surge na face e em algumas outras partes do corpo que são expostas ao sol. Acomete especialmente as mulheres. A causa exata não é conhecida, mas muitos fatores podem desencadeá-lo como: exposição prolongada ao sol durante a vida, uso de anticoncepcional, gestação, a predisposição genética e claro, fatores emocionais como estresse. Embora ele não traga consequências nocivas para o organismo, ele pode arruinar o emocional de quem o possui.

Por causa de sua complexidade e sua condição crônica, o melasma é uma das disfunções estéticas mais difíceis de tratar. exige muita disciplina e lembrando que tudo  que a clareia muito rápido, também pode fazer ela voltar muito rápido e muitas vezes pior, ou seja, provocar o Efeito Rebote.

Essas manchas são caracterizadas pelo excesso de melanina ou hiperpigmentação nas regiões afetadas, havendo uma desproporcionalidade e causando pigmentação não uniforme da pele que podem ser resistentes e em alguns casos imprevisíveis na resposta aos tratamentos.

O melasma pode ser classificado em:

1- epidérmico ou superficial, que é caracterizado pelo excesso de melanina nas áreas mais superficiais da pele;

2- dérmico ou profundo, que caracteriza-se pelo excesso de melanina nas camadas mais profundas da derme;

3- tipo misto apresenta manchas nas duas camadas, derme e epiderme, ou seja, nas camadas superficial e profunda da pele.

Tratamento do Melasma

Existem diversos tratamentos, como uso de medicamentos tópicos, suplementos de vitaminas, fitoterápicos, peelings, luz intensa pulsada entre outros. Os tratamentos visam uniformizar o tom da pele, porém não há garantias de que o problema não volte. Portanto o uso de Protetor Solar é indispensável para manter os resultados obtidos, além de ter boa qualidade de vida e manter o nível de stress controlado.

  • Sugestão para usar em casa:  Passar diariamente protetor solar com fator de proteção no mínimo FPS 30 de 3 em 3 horas, mesmo estando dentro de casa, e evitar a exposição ao sol, assim como também fontes de calor. Além disso pode-se passar um creme despigmentante à noite contendo Ácido Kójico, Aha’s, Niacinamida,  Ácido Tranexâmico, Belides, Alpha Arbutin são sempre uma boa opção por serem seguros e eficazes,   e outra dica é usar Vitamina C  durante o dia antes do Filtro Solar que auxilia no processo de clareamento e além disso aumenta produção de colágeno e elastina, promovendo firmeza e sustentação, auxilia no combate aos radicais livres. E também é necessário hidratar muito a face, pelo menos uma vez por semana, com uma boa Mascara Facial.

Essas são apenas sugestões, lembre-se de consultar um profissional da área, sempre siga as orientações de um profissional especializado.

 

 

Filtro Solar FPS 30

Mascara Iluminadora

Nano special C

 

 

 

 

Beijos,

Sandra Magalhães

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: